Não é justo pagar duas vezes pelo mesmo produto


Esse post é uma resposta ao texto da jornalista Clara Albuquerque chamado "Nem tanto cá, nem tanto lá: no meio de campo". O texto fala sobre o preço dos ingressos na Arena Fonte Nova e busca fazer um tipo de explanação sobre uma possível elitização do torcedor e o motivo pelo qual o valor pago em Salvador é justo. Ela cita que "A alma do futebol brasileiro não está em arquibancadas caindo aos pedaços"


Acho que o valor do ingresso tem que ser justo, não pra comparar as torcidas de fora do estado da Bahia com a do Tricolor Baiano, por exemplo. Menos ainda comparar com os times de fora do país como o Bayern que tem a torcida numerosa graças a investimentos, administração, marketing e principalmente TÍTULOS.
A torcida do Bahia é famosa por acompanhar o time em momentos bons e ruins, mas principalmente por representar a MASSA. 


O Bahia é o time do povo, é o povo que ganha salário mínimo que vai assistir os jogos de um time que não tem a mesma glória de outros tempos, é verdade sim que nessa multidão existem várias classes sociais e todos são do mesmo jeito e se identificam pela mesma causa na arquibancada. Mas não é segredo que quem sempre encheu a casa foi o pai de família que levava filhos, amigos e parentes porque era algo acessível.


A questão principal aqui não é buscar acompanhar os de fora, se quiserem fazer isso tudo bem, mas eu duvido que tenhamos condições de fazer isso sem os investimentos que os outros tem, é um time que depende exclusivamente do seu torcedor e tem que merecer o apoio, não dá pra pagar caro e sofrer com falta de qualidade. Sempre que o time tava mal davam um jeito de reduzir o ingresso, sabem que somos apaixonados e exigentes também. Pensar no torcedor somente como fonte de arrecadação é retroceder ao modo de administração que sempre tivemos e nunca deu certo.

Quando o clube se profissionalizar e aprender a ter time pra cobrar um ingresso justo, arrecadar com imagem e produtos, a tal "elitização" vai deixar de existir.

Acho uma pena que bons jornalistas concordem que é correto uma empresa faturar mais dinheiro de algo que foi feito com o dinheiro do povo e dela também. Com certeza a Allianz Arena não foi feita com dinheiro público, mas a Arena Fonte Nova sim.


A minha intenção aqui não é de acusar alguém, eu não concordei com o ponto de vista dela e de certa maneira estou defendendo o meu modo de ser torcedor e me sentir representado. Eu sei que existem muitos como eu, também sei que cada um pensa da maneira que quiser, porém é inaceitável o torcedor pagar caro duas vezes por algo que foi feito com o dinheiro dele. Com certeza quem sustenta esse país é o mesmo cara que só tem dinheiro pra pagar um ingresso de "Inteira" no local mais barato da arquibancada. Não vejo isso como justo.

Comentários